domingo, 20 de janeiro de 2019

CPFL ENERGIA CONCENTRA AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NO INSTITUTO CPFL


Instituto CPFL 

Idealizado em 2003, o Instituto CPFL tem passado, desde 2015, por um processo de fortalecimento e hoje é a nossa plataforma de investimento social. Em 2017, o Instituto centralizou a maior parte das nossas ações sociais e investiu R$ 21,6 milhões (incluindo valores incentivados). Deste total, R$ 7,1 milhões foram aplicados em iniciativas de investimento social privado.  Estimamos que estes investimentos beneficiaram aproximadamente 100 mil pessoas em 96 municípios, por meio de participação presencial e remota.

O Instituto CPFL é uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), com uma estrutura de governança própria, que inclui um Conselho de Administração e um Conselho Fiscal.

As ações de investimento social do nosso Instituto são estruturadas em cinco frentes: Cultura, Esporte, Educação, Gestão Pública e Desenvolvimento Comunitário. Todas têm como linha transversal o objetivo de transformar as comunidades onde operamos, por meio da gestão do conhecimento.


Principais ações de cultura, artes e esportes:

Café Filosófico CPFL: encontros presenciais com intelectuais de diversas áreas do conhecimento, transmitidos ao vivo pela internet, gravados e exibidos na TV Cultura, que abordam as preocupações e ansiedades da sociedade contemporânea. Em 2017, foram realizados 30 encontros (com público total de cinco mil pessoas) e transmissões ao vivo (com alcance total de 160 mil pessoas) e 80 exibições na TV (com audiência anual de  36 milhões de pessoas).

Música Contemporânea: a única série brasileira regular de concertos dedicados à música do nosso tempo, gravados e disponibilizados na internet e transmitidos na Rádio Cultura FM. Em 2017, foram realizados 15 concertos com público de 2.600 pessoas e 53 programas de rádio.

Cine CPFL: uma sala com equipamentos de alta tecnologia que exibe uma programação permanente e gratuita, além de mostras internacionais. Em 2017, foram realizadas 86 sessões com público de 3.300 pessoas.

Exposições: uma galeria de arte que recebe exposições em parcerias com renomadas instituições e com foco em arte e educação por meio de visitas mediadas. Em 2017, foram realizadas duas exposições com público total  de 6.900 pessoas e 172 visitas mediadas.

Circuito CPFL: programa nacional que leva atividades de cinema (Cine Solar e Cine Autorama) a diversos municípios de nossas áreas de concessão, música (concertos com o maestro João Carlos Martins) e atividades esportivas (corridas, caminhadas e passeios ciclísticos). Em 2017, foram realizados 166 eventos, em 96 cidades de seis estados, com público total de 50 mil pessoas.

Principais iniciativas de desenvolvimento social do Instituto CPFL

Em 2017, as iniciativas de investimento social privado do nosso Instituto foram estruturadas para promover o fortalecimento da gestão pública e o desenvolvimento local, a partir de sete grandes projetos em andamento e sob um investimento de aproximadamente R$ 7,1 milhões.
Seguindo esta linha, realizamos dois projetos de desenvolvimento institucional nos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e Conselhos Municipais dos Direitos do Idoso (CMDI), os quais executamos em 17 municípios do interior dos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul. O valor total do investimento foi de R$ 1,7 milhão.
Outra iniciativa de promoção do desenvolvimento local foi a realização de projetos com a utilização dos recursos da linha ISE (Investimentos Sociais de Empresas) – subcrédito social do BNDES. Por meio destes Projetos, foram investidos aproximadamente R$ 5,2 milhões em comunidades no entorno das nossas áreas de atuação, nos estados do Rio Grande do Sul e São Paulo.

Com os projetos que realizamos em parceria junto ao Geekie, Tamboro e Instituto Ecofuturo, buscamos ampliar o conhecimento nas escolas públicas, por meio da utilização de plataformas digitais e aprendizagem adaptativa, além de proporcionar mais acesso à leitura com a implantação de bibliotecas comunitárias. Ao todo, aproximadamente 13 mil alunos foram beneficiados.

Outro projeto de grande impacto local que realizamos foi a parceria com a ToLife, que implantou um sistema para classificar e organizar o fluxo de pacientes em Unidades de Pronto Atendimento de hospitais públicos e/ou que atendam Sistema Único de Saúde – SUS. Além disso, também contribuímos para o Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica – Pronon, que colaborou com projetos de ampliação tecnológica de hospitais de atendimento a pessoas com câncer.

Com o intuito de multiplicar conhecimento e agregar valor compartilhado, o nosso Instituto conta ainda com o programa de voluntariado Semear, uma iniciativa interna da qual participam 850 voluntários e que, em 2017, beneficiou aproximadamente cinco mil pessoas ao desenvolver 80 ações em 10 municípios do interior.


Nenhum comentário:

Postar um comentário